Om Hari Sharan, eterno

É simplesmente fascinante esse vídeo com Hari Om Sharan em sua juventude cantando o Sundara Kanda na versão poética insuperável de Goswami Tulsidas (गोस्वामी तुलसीदास) da lendária epopéia escrita por Valmik, o hindu que colocou na escrita as histórias e sagas contadas de boca a boca, orais, por séculos de narrativas.

Valmik foi o Homero da Índia.

Tulsidas foi o poeta maior.

Hari Om Sharan  nasceu em 26 de setembro de 1932 em Lahore (hoje Paquistão) e faleceu em Nova Iorque em 17 de dezembro de 2007.

Com minha visão positivista/dialética, mas não burra, acredito naquilo que pode ser provado pela ciência. É um caminho mais seguro, embora mais demorado e limitado, reconheço.

Essa ciência, com as experiências científicas de Miller & Urey, por exemplo, conseguiu mostrar que a vida no planeta Terra pode ter se originado do barro, como dizem os textos preservados do conhecimento/sabedoria milenar.

Mangal Bhawan Amangal Haari
Dravhu Sudashath Adir Bihari
Shaantam Shashwatam Prameya Managham
Nirvaan Shanti Pradam
Brahma Shambhu Fanindra Sevya Manisham
Vedant Vedyam Vibhum
Ramakhyam Jagdishwaram Surgurum
Maya Manushyam Harim
Vande Ham Karuna Karam
Raghu Varam Boopaal Chuda Manim
Naanya spreha Raghupate Hridye Smadiye
Satyam Vadamich Bhawaan Khilaant Raatma
Bhaktim Prayach Raghupungay Nirbharaam Mey
Kamadi Dosh Rahitam Kuru Manasam Cha
Atulit Baldhaamam Hem Shaila Bhadeham
Danuj Van Krishanum Gyani Naamgra Ganyam
Sakal Gun Nidhaanam Vaanrana Madhisham
Raghupati Priya Bhaktam Vaat Jaatam Namami

नमो नमः
Namo Namah!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s