Presidente bananeiro pede asilo na Transilvânia

Extra! Estra! Extra!
Imprensa transilvânica anuncia que presidente corrupto traíra golpista de república que ele mesmo transformou em bananeira, aproveitando sua viagem ao exterior, marca encontro à meia-noite com o governador e empresários da Transilvânia e compra o castelo de seus ancestrais com dinheiro vivo de suas transações nebulosas e ao mesmo tempo pede asilo para continuar a sobreviver numa boa.


Presidente mesoclítico bananeiro sente-se em casa em sua nova residência:A Transilvânia fica logo ali:

Chegando o anoitecer a revoada de seus bichos prediletos vem encantar a paisagem:

Flagrante do castelo feito por turista cá embaixo na estrada:

O jantar na intimidade com seu Alter Ego:

Na suíte presidencial: –“Deitemo-nos, querida, o dia já vem a raiar, acordar-nos-emos à noite com a revoada morcego-tucana